casal adulto brigando

Como perdoar um cara por traição

A traição não pode ser simplesmente apagada da memória, mas existem muitas maneiras de tentar começar a vida de novo, esquecendo e perdoando.

Nem um único casamento está a salvo da infidelidade conjugal e, na maioria das vezes, a infidelidade é cometida pela metade masculina do casal. Existem muitas razões para o adultério masculino e, sejam elas quais forem, a infidelidade é um ato de traição, que leva a uma grave crise de relacionamento. Uma mulher diante da infidelidade conjugal mergulha em choque emocional e estupor. 

O primeiro pensamento é a ideia do divórcio. Esse pensamento surge na sequência de um forte choque emocional, quando parece que o mundo simplesmente entrou em colapso. Depois, há uma calma, durante a qual a mulher começa a pensar nas razões que causaram a traição. É nesse momento que surge o pensamento do perdão, mas surge a pergunta: como esquecer a traição?

Se você não tentar esquecer o fato da traição ao decidir salvar o casamento e perdoar o marido, ele se lembrará constantemente, afetando negativamente o relacionamento do casal. Nesse caso, não atormente a si mesmo e ao homem, tentando salvar o que já se foi. Nesses momentos, uma mulher que decidiu perdoar começa a sofrer a pergunta: como perdoar e esquecer a traição do marido.

A psicologia da família oferece várias soluções que são viáveis ​​e não exigem custos significativos, exceto paciência e entendimento mútuo.

mulher brigando
mulher brigando

Como esquecer traindo o marido: conselhos de um psicólogo

Você pode esquecer o fato de trair, seguindo algumas dicas simples oferecidas pelos psicólogos da família.

efeito de ação incompleta. Esse é o conceito de psicologia, o que significa que um episódio ilógico que ocorre na vida pode ser impresso na consciência por um longo tempo. Por muito tempo, o cérebro rola constantemente o que aconteceu, tentando encontrar uma saída. Algo semelhante acompanha a traição. 

A mulher tenta, sem sucesso, encontrar a resposta para a pergunta de como aconteceu, mas encontrar a resposta requer a formulação correta da pergunta. Como esquecer trapacear cara? Apenas tente não apenas culpá-lo, mas tente descobrir em si as razões para esse comportamento da segunda metade. 

Ao encontrar respostas, surgirão pré-requisitos para a possibilidade de mudar a situação, cujo resultado será a interrupção da rolagem constante do fato da infidelidade e a busca de idéias construtivas para superar a crise;

Mudança de autopiedade por perplexidade. Quando um marido trai, a esposa começa a sentir pena de si mesma. Isso é compreensível, mas, do ponto de vista da psicologia, ao decidir a pergunta “Como esquecer a traição ao marido“, não se deve deixar levar a autopiedade. O sentimento de piedade leva a um sentimento de inferioridade, que afeta negativamente a auto-estima. 

Um homem que encontrou consolo ao lado precisa demonstrar sua singularidade para entender o que está perdendo. E não tente se mostrar da posição da vítima. Nesse caso, com o problema de “como esquecer a traição do marido”, o conselho se resume a tentar fazer o homem se sentir confuso. Em que estado de insanidade mental ele estava, que ele era capaz de trair uma mulher tão bonita, sua esposa;

mulher se sentindo abandonada
mulher se sentindo abandonada

diálogo, que é a principal ferramenta para restaurar a proximidade emocional dos dois parceiros. Se um casal tomou uma decisão deliberada de permanecer junto e preservar a integridade do casamento, então, a priori, considera-se que a parte culpada admite seu erro, e a parte que é a vítima está pronta para aceitar e perdoar 

Como esquecer a traição de um ente querido? Envolver-se em um diálogo construtivo. A conversa deve ser conduzida na forma de um diálogo, e não um esclarecimento das relações com reprovações e acusações mútuas.

Os psicólogos muitas vezes, na presença de medos, aconselham a pronunciar suas fobias em voz alta, apenas neste caso, o medo deixa de ter poder sobre uma pessoa. Se uma esposa decide perdoar e aceitar, ela deve falar calmamente com o marido todos os seus sentimentos e medos emocionais. 

O resultado será a conclusão de um tipo de acordo, cujo assunto será assistência mútua. Somente o uso de palavras sinceras e persuasão será a maneira de esquecer a traição do marido ou como esquecer a traição da esposa.tenta perceber que a situação atual não é única. Muitas mulheres com o fato de trair o marido começam a experimentar a tragédia do momento. 

Mas você deve estar ciente de que, em todo o mundo, aproximadamente 95% das famílias sofreram adultério. Na cabeça de uma mulher, o pensamento deveria estabelecer que, se esses bilhões de pessoas pudessem lidar, ela poderia. Não consigo esquecer a traição do meu marido, o que devo fazer? O que fazer Basta olhar para a situação de um ângulo ligeiramente diferente. Não consigo esquecer a traição do meu marido pelo que fazer?

casal brigado
casal brigado

Em muitos casos, a traição é o ponto de partida de uma “redefinição” da atitude do casal, levando não apenas à restauração da família, mas mais para encontrar um relacionamento qualitativamente novo, onde os cônjuges começam a se valorizar mais do que antes. Superar as barreiras da vida é um teste que o próprio destino envia. 

Superá-los apenas tempera, dota a experiência de vida e promove uma atitude mais fácil com a gravidade da vida;tente mudar o cenário. Outro conselho muito eficaz é uma mudança de cenário. Você deve fazer uma viagem conjunta, e o local escolhido para a viagem deve contrastar com o ambiente usual. 

A consciência humana tem a capacidade de criar uma série associativa. Portanto, a presença constante diante dos olhos do ambiente em que havia um conhecimento sobre a infidelidade de um ente querido leva a uma re-experiência de todas as emoções e sentimentos negativos. Traição: como perdoar e esquecer? 

Começar de uma nova folha e uma mudança de cenário desempenhará o papel de uma tela primitiva na qual traços coloridos e fortes de novos relacionamentos serão aplicados com a mão leve de um artista, neste caso duas pessoas.

Se falarmos sobre uma mudança de cenário, as mais convergentes serão as viagens que envolvem extrema. Situações em que a ajuda e o apoio de um ente querido são necessários fazem com que o parceiro seja reconhecido por novos lados e por novas qualidades que apagam da memória as lembranças de eventos tristes.

Ninguém afirma que esquecer a trapaça é fácil. Às vezes, pode levar anos para que memórias desagradáveis ​​desapareçam. Mais importante, ao decidir esquecer, tente não pensar nisso, não repreenda o homem a cada oportunidade e não espere um novo golpe, porque o medo constante criará incerteza.

Os psicólogos também aconselham as mulheres em nenhum caso a tentar conseguir um amante. Não aja de acordo com o princípio da vingança. Este método não difere na obtenção do efeito desejado. A própria traição levará a uma resposta de culpa.

A melhor coisa a fazer nessa situação, com um ressentimento e um desejo de esfaquear o marido, é um leve flerte que deixará o marido com ciúmes. Isso lhe dará a oportunidade de sentir quão desagradável é a percepção de que um ente querido pode mostrar emoções e sentimentos em relação a alguém de fora.

Fontes:

Psych Central.com
Psychology Today
Very Well Mind
Helpguide