Mulher grávida chorando
Família

Estou grávida e ele me deixou – O que fazer

Esperar um filho é um período emocionante e feliz na vida de cada casal. No entanto, um momento de alegria pode se transformar em um fato desagradável se um homem abandonar uma mulher grávida. Tal desenvolvimento de eventos não pode ser chamado de raridade. Uma mulher em posição ao mesmo tempo se sente enganada, traída, desnecessária. Além disso, a solidão e a responsabilidade pelo destino futuro da criança começam a assustá-la. Como sair dessa triste história como vencedor?

As principais razões para sair

As razões pelas quais um cara abandonou sua namorada grávida são diferentes. Os motivos para tal comportamento dependem de circunstâncias sociais externas, relacionamentos internos, prontidão psicoemocional para a aparência do bebê. As principais razões para deixar um homem são:

  • medo de responsabilidade;
  • outra mulher;
  • pressão de parentes;
  • dúvidas sobre paternidade.

Além disso, a falta de prontidão para o próximo nível em um relacionamento geralmente causa uma interrupção no relacionamento. O homem está satisfeito com o estado atual das coisas, que ele não vai mudar. A mensagem de que ele se tornará pai pode ser uma surpresa completa, principalmente se o casal não planeja iniciar uma família.

Se você receber um voo aleatório de solteiros

Se falamos sobre o que fazer quando um homem abandonou a menina grávida sem piedade, é necessário levar em consideração o desejo e a atitude de si mesmo em relação ao nascimento de um filho. Talvez o homem não tenha planejado inicialmente construir um relacionamento sério com a namorada, então a gravidez não fazia parte de seus planos. Se o escolhido não gostasse dos pais, então, sucumbindo à pressão do lado deles, um homem pode deixar de lado uma garota grávida sem pensar nas consequências.

As circunstâncias em que a concepção ocorreu também são importantes. Por exemplo, o casal concordou em se proteger de uma gravidez indesejada. Mas se a menina intencionalmente não usou contraceptivos para se casar com um homem, o fato da concepção levará à separação. Talvez a “fuga” tenha ocorrido, apesar do uso de contraceptivos, mas a mulher mudou de atitude em relação ao desejo de ser mãe. Nesse caso, a probabilidade de conflito e uma ruptura nas relações também é alta.

Se a concepção aconteceu no casamento

Se o marido abandonou inesperadamente a esposa grávida, a causa do ato pode ser um despreparo para o papel do pai. Mesmo se ele estivesse falando sobre o desejo de ter um bebê, notícias repentinas podem levar a um estado de choque.

Neste momento, apareça:

  • incerteza nas próprias forças e viabilidade financeira;
  • Preocupações com a saúde da criança;
  • dúvidas sobre a paternidade;
  • compreensão das mudanças fundamentais na vida e aparência da esposa.

Um homem também pode deixar uma mulher grávida por causa de um caso ao lado. É provável que o adultério tenha durado muito tempo e as notícias do futuro nascimento da criança tenham se tornado um fator determinante, porque a senhora não tem esse ônus de responsabilidade, que é imposto a ele pelas circunstâncias de um casamento legal. Essa também é uma maneira de evitar responsabilidades.

Se houver uma situação tensa e conflitante no casamento por um longo tempo, não há confiança e entendimento mútuo, a gravidez se tornará um fator que provocará separação. É provável que os sentimentos tenham desaparecido há muito tempo, e a ação de seu marido mostra a natureza ilusória dos relacionamentos familiares.

Se o bebê fosse bem-vindo

Se considerarmos o problema de por que alguns maridos abandonam as mulheres grávidas do lado dos processos naturais do corpo, podemos tentar explicar esse comportamento de maneira diferente.

Fertilização – o desejo do macho de se reproduzir, disseminar informações genéticas. Assim que um homem percebe as notícias da concepção, há uma perda de interesse no parceiro no nível dos processos psicofisiológicos do corpo masculino. Acontece que ele cumpriu sua função natural, de modo que até a aparência de uma criança desejada pode provocar uma mudança nas relações. Durante a gravidez, o marido muda com a mulher, mas o cerne dessas mudanças não é apenas um senso de responsabilidade.

É possível consertar tudo e devolver o marido

Dependendo de quais circunstâncias influenciaram a decisão de sair, se o homem deixou sua esposa grávida deliberadamente, podemos conversar sobre a possibilidade de reencontro. Quando a primeira onda emocional de conflito desaparece, você precisa tentar conversar em um ambiente descontraído.

Se a causa do conflito foi um temperamento, uma decisão precipitada ou precipitada tomada sob a influência de circunstâncias, a recuperação da família é possível. No entanto, muito depende do desejo de um homem. É importante que ele repense a situação, sinta-se pronto para assumir a responsabilidade.

Se não houver maneiras de restaurar relações, você precisará descobrir os seguintes pontos:

  • se o homem reconhecerá oficialmente a paternidade;
  • Ele considera necessário participar do desenvolvimento e educação da criança;
  • concorda em tomar parte dos custos financeiros por conta própria;
  • como você resolve problemas de propriedade, domésticos.

Para entender como sobreviver a esse período desagradável em que o marido abandonou a esposa grávida, você precisa responder a perguntas para si mesmo:

  1. Preciso dessa pessoa?
  2. Você pode confiar nele depois de tal ato?
  3. Que tipo de relacionamento eu realmente preciso?

As respostas a essas perguntas ajudarão você a entender melhor suas contradições internas.

Sexo e gravidez

Há situações em que o conflito na família é causado por problemas sexuais. O homem está confuso com a ideia de que uma mulher está mudando externamente. Ela se torna menos atraente para ele, o que muitas vezes provoca romances ao lado durante a gravidez.

Além disso, o medo de prejudicar o bebê leva a evitar relações sexuais, o que ofende uma mulher que durante a gravidez pode experimentar um aumento no desejo sexual. Isso acontece e vice-versa – o cônjuge diminui a libido ou os contatos médicos são contra-indicados, por isso ela recusa a intimidade com o marido. Um homem sem um relacionamento íntimo torna-se irritado, agressivo.

O sexo durante a gravidez e as divergências relacionadas são um tópico sensível para discussão. Para chegar a um entendimento, você precisa se comunicar, compartilhar experiências e sentimentos.

Se os problemas dos relacionamentos íntimos não puderem ser resolvidos por seus próprios esforços, preste atenção aos conselhos de um psicólogo de família.

Conselho dos psicólogos

No período de tempo associado à expectativa de um filho, manter um relacionamento harmonioso não é fácil. Isso se deve ao fato de o casal estar em condições psicologicamente extremas. Uma mulher experimenta mudanças de humor causadas por alterações hormonais e surgem caprichos. Um homem muitas vezes não sabe como reagir a tais manifestações emocionais. Junto com isso, o chefe da família não compartilha seus sentimentos, medos, insultos que se acumulam, degenerando em conflito.

Quando um homem abandonou uma garota grávida, você pode se concentrar nos seguintes conselhos do psicólogo:

  • Não entre em pânico e tente se acalmar;
  • Não faça suposições falsas;
  • cuide da sua saúde;
  • tente encontrar uma solução para o problema com o pai da criança, chegue a um acordo de paz.

Uma mulher grávida abandonada está em um estado de estresse severo, causando perda de apetite, distúrbios do sono, depressão e colapso nervoso. Isso afeta negativamente o processo de criação e desenvolvimento da criança. Tais mudanças emocionais podem levar ao término natural espontâneo da gravidez, nascimento prematuro.

A condição em que a esposa permanece após a partida do homem é psicologicamente difícil para ela, não apenas pelo fato da separação, mas também pela instabilidade emocional no contexto das mudanças hormonais no corpo. Um dos conselhos de um psicólogo é tentar olhar a situação de um ângulo diferente. O irreparável não aconteceu, não há nada fatal em tal situação. Em breve, uma mulher se tornará mãe, o que significa que um ponto de virada importante ocorre em sua vida. A pessoa mais próxima e querida nascerá – uma criança que será apoio, apoio e inspiração no futuro caminho da vida.

Fontes:

Psych Central.com
Psychology Today
Very Well Mind
Helpguide

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *